quinta-feira, 18 de janeiro de 2018

Como Estimular o Espírito Criativo da Criança

O Espírito Criativo da Criança é o texto que escolhi para iniciar o ano no Blog da Biblio Ideias, que além de ser um espaço criativo é um espaço de motivação; e nada melhor que novas ideias para trazer o frescor de um ano que se inicia.




A Criatividade lança raízes na infância. Que tal começarmos a pensar o quanto estamos deixando nossas crianças serem criativas?

Não damos tempo nem oportunidade para as brincadeiras criativas. Nossas crianças estão sempre com muitos brinquedos à sua volta e ficam muito tempo nos eletrônicos. A criança precisa de momentos que proporcionem utilizar sua imaginação, o desejo e o impulso de explorar, fazer descobertas.
O vídeo abaixo convida a uma reflexão.



Embora algumas coisas passem despercebidas é importante um novo olhar a tudo que nos cerca. A Doutora Teresa Amabile, psicóloga, pesquisadora da criatividade na infância, destaca alguns tópicos que assassinam a criatividade infantil. Dentre eles, alguns abaixo:


  • Vigilância e controle excessivo: rondar as crianças, fazendo-as sentir que estão sendo constantemente observadas enquanto trabalham. Sob a observação constante, a criança não mais assume riscos e o impulso criativo se retrai.


  • Avaliação: consiste em fazer as crianças se preocuparem com o julgamento alheio de seu trabalho. Elas devem sentir-se satisfeitas com suas realizações.


  • Restrição de escolhas: dizer às crianças quais atividades devem compreender em vez de deixar que se encaminhem para onde a curiosidade e a paixão levá-las.


  • Pressão: Alimentar esperanças grandiosas quanto ao desempenho de criança.


Para  que a criatividade desabroche é preciso fazer com prazer. O que vale é a satisfação e não a perfeição. A alegria da atividade é a própria recompensa, que habilita a criança a colaborar,a trabalhar em equipe, correr riscos, valorizar seu esforço próprio e dos outros.  E se elas quiserem perguntar, responda à vontade porque - "A única pergunta idiota é aquela que não foi feita" - Paul Mac-Cready - inventor.

Um abraço a todos, até o próximo post e comentem aqui o que você faz com seus filhos para estimular a criatividade. As trocas são muito enriquecedoras!!

Monica Pontes
Neuropsicopedagoga e Psicomotricista







Nenhum comentário:

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...