sexta-feira, 8 de fevereiro de 2013

O que você preparou para o carnaval para o marketing da sua empresa?

Você usa as datas festivas para o marketing do seu negócio? Saudar o cliente, criar promoções, usar as datas como oportunidades para se comunicar? Não sabe como? A gente te ajuda a estruturar sua comunicação através dos canais das mídias sociais, aproveitando as datas festivas, como o carnaval.
 
Vejam que interessante:
 
"O Carnaval, a maior festa popular no Brasil, é um bom exemplo da importância e da aplicabilidade do marketing cultural e, a cada ano, um número maior de empresas e segmentos se aproximam desta festa cultural-popular e contabilizam os resultados positivos para seus negócios. O Carnaval, do ponto de vista mercadológico, pode ser um produto, um canal de comunicação com o mercado (mídia) ou um canal de vendas. Como produto, observamos que o Carnaval atrai "consumidores" que buscam alegria, entretenimento, diversão e prazer e estão dispostos a investir em na compra desde fantasias até ingressos para assistir os desfiles entre muitos outros produtos e serviços. Ainda como produto, esta atividade atrai e envolve uma série de serviços e profissionais para trabalham antes, durante e depois do Carnaval entre eles os profissionais que trabalham nas escolas de samba e os serviços prestados durante as festas que vão desde iluminação, som, segurança indo até os músicos que atuam nos bailes e nos diversos trios elétricos. Entendida como um canal de comunicação, a festa de carnaval desperta o interesse de uma série de patrocinadores que buscam ocupar os espaços de mídia (gera comunicação espontânea), promoção de marca e, associadas a propagandas, transferem os atributos da festa (alegria e prazer principalmente) para as marcas dos produtos e serviços. Os grandes anunciantes do país como os fabricantes de cervejas, bancos e companhias de celular (apenas para citar alguns exemplos), disputam cada cota de patrocino e, percebe-se que a cada ano são mais criativos na forma que vão atingir os consumidores indo desde as ações de merchandising no ponto-de-venda até propagandas editoriais (como no caso de certas escolas que colocaram no seu enredo temas que tratem de produtos comercializados por determinadas empresas). Por fim, como um canal de vendas, podemos perceber que este período de festas impactam positivamente na economia como um todo sendo utilizado como apelo desde empresas que comercializam cervejas até bronzeadores e produtos para o cabelo e, também, serviços como hotéis, companhias aéreas, agências de viagens entre muitos outros segmentos que, através do carnaval, conquistam novos consumidores. Um outro aspecto que deve-se levar em consideração e que é uma festa que abrange todo o país e atinge diversos públicos indo desde criança até aqueles que pertencem a melhor idade, diversas classes sociais/econômicas podendo ser considerado um produto de massa. È, também, um produto que atraí consumidores de outros países e contribuí para vender a imagem-país para o exterior. Contudo, esta verdadeira "industria do entretenimento" ainda utiliza pouco do potencial que tem. Tanto escolas de samba, como as empresas que estão ao redor desta festa não exploram todas as possibilidades que a atividade cultural possibilita, ou seja, as ações os investimentos ainda são muito tímidos comparados com o retorno que gera. Portanto, uma boa oportunidade para a atuação do marketing. (Prof. Dr. Luiz Claudio Zenone)"
 
 
 

Nenhum comentário:

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...